MENU

Portal Multiplix

Fale Conosco

(22) 3512-2020

Anuncie

Contato comercial

Trabalhe conosco

Vagas disponíveis

Anvisa libera uso emergencial das vacinas CoronaVac e Oxford contra a Covid-19

Carga começou a ser distribuída para todos os estados nesta segunda-feira

Por Redação Multiplix
18/01/21 - 08:38
Anvisa libera uso emergencial das vacinas CoronaVac e Oxford Anvisa aprovou uso emergencial das vacinas contra a Covid-19 | Foto: Divulgação/Anvisa

O Brasil vai começar a vacinação contra a Covid-19. A Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) aprovou, nesse domingo, 17, o uso emergencial da CoronaVac e da Oxford contra o novo coronavírus.

Na manhã desta segunda-feira, 18, o Ministro da Saúde, Eduardo Pazuello, se reuniu com os governadores dos estados no Centro de Distribuição Logística do Ministério da Saúde, em São Paulo, para começar a distribuir a carga de cerca de 44 toneladas de vacinas para todos os estados. Segundo o governo federal, a previsão é começar a imunização na quarta-feira, 20.

Enfermeira de São Paulo é a primeira pessoa vacinada no Brasil Enfermeira de São Paulo é a primeira pessoa vacinada no Brasil | Foto: Divulgação/Governo do Estado de São Paulo

Depois da reunião de domingo, com a liberação das vacinas contra a Covid-19 pela Anvisa, a enfermeira Mônica Calazans, de 54 anos, moradora da zona leste de São Paulo, foi a primeira pessoa do país vacinada fora dos estudos clínicos. A profissional, que trabalha na linha de frente no Instituto de Infectologia Emílio Ribas e tem perfil de alto risco para a doença, foi vacinada no Instituto Butantan, com a CoronaVac.

“Hoje fui a primeira a ser vacinada. E tenho muito orgulho disso, dessa grande oportunidade. Como brasileira, eu falo, vamos nos vacinar! Não tenham medo. É isso que estamos precisando, que a gente estava esperando, a vacina, para a gente poder voltar à vida normal”, destacou Mônica em entrevista coletiva após receber a primeira dose da vacina.

De acordo com informações do Butantan, o instituto tem 6 milhões de doses da vacina já prontas para a aplicação e, desse total, 4,6 milhões vão para o governo federal, restado os outros 1,3 milhões para o estado de São Paulo.

O transporte das doses da vacina vai ser feito pelas aeronaves da Força Aérea Brasileira, de acordo com o Ministério da Defesa. Também vão ser utilizados caminhões, com áreas de carga refrigeradas, além de conter rastreamento e bloqueio via satélite.

Veja outras notícias da Região Serrana do Rio no Portal Multiplix.


É proibida a reprodução total ou parcial dos conteúdos do Portal Multiplix, por qualquer meio, salvo prévia autorização por escrito.
TV Multiplix
TV Multiplix Comunicado de manutenção TV Multiplix Comunicado de manutenção
A TV Multiplix conta com conteúdos exclusivos sobre o interior do estado do Rio de Janeiro. São filmes, séries, reportagens, programas e muito mais, para assistir quando e onde quiser.