Balanço: Nova Friburgo e Teresópolis registram poucos problemas na manhã de votação

Poucas filas foram registradas nas seções eleitorais da Região Serrana

Por Matheus Oliveira
28/10/18 - 13:04
Balanço: Nova Friburgo e Teresópolis registram poucos problemas na manhã de votação Eleitores votam com tranquilidade no município de Teresópolis. | Foto: Portal Multiplix

No dia de exercer seu dever cívico e escolher o governador do estado do Rio Janeiro e o presidente da República, os eleitores da Região Serrana tiveram uma manhã de total tranquilidade e de poucos problemas durante a votação.

Nova Friburgo

Em Nova Friburgo, uma urna da seção 177, da Zona 026, no bairro Vila Amélia, apresentou problemas no começo da manhã, levando cerca de 40 minutos para ser trocada de acordo com os mesários do local, ocasionando filas e atrasos. A urna substituída, por sua vez, apresentou problema com a biometria. Muitos usuários não tiveram seus cadastros reconhecidos, fato semelhante ao ocorrido nas votações do 1º turno.

Na 222ª Zona Eleitoral, duas urnas tiveram de ser substituídas. Uma delas na seção 075, no Colégio Estadual Galdino do Valle, no bairro Paissandu, porque o aparelho de biometria também não funcionou. Segundo o Tribunal Regional Eleitoral (TRE), quando um há um problema de reconhecimento de biometria, toda a aparelhagem é substituída (incluindo a urna).

A outra urna que precisou ser substituída foi a da seção 039, na Escola Acyr Spitz, no distrito de Lumiar. Segundo o Tribunal Regional Eleitoral do Rio de Janeiro (TRE-RJ), o problema foi identificado e o equipamento foi trocado imediatamente.

De acordo com os cartórios eleitorais das zonas 026 e 222, nenhuma prisão foi registrada nesta manhã de votação.

Teresópolis

Na cidade de Teresópolis, três urnas apresentaram problemas durante a manhã deste domingo, 28. Uma na seção 137, na zona 195, localizada na Creche Oscar Lobato, no bairro São Pedro.
Já na 38ª Zona Eleitoral, duas urnas tiveram problemas e precisaram ser trocadas na manhã deste domingo, segundo o Tribunal Regional Eleitoral (TRE-RJ). Uma urna teve problema no funcionamento na seção 310, situada na Escola Municipal José Gonçalves da Silva, no bairro Caleme. A outra ocorrência aconteceu na seção 331, na Escola Municipal Sakura, no bairro Ermitage.

De acordo com o cartório eleitoral, nenhuma prisão em decorrência de boca urna foi realizada, assim como não foram registrados problemas com biometria.

Estado do Rio de Janeiro

No estado do Rio de Janeiro, segundo o TRE, 280 urnas tiveram de ser trocadas até às 12h08, sendo 140 apenas na capital fluminense, o maior colégio eleitoral do estado.