Doação de sangue: mitos e verdades

Hemocentro de Nova Friburgo esclarece pontos que geram dúvidas sobre quem pode doar

Por Sara Schuabb
28/01/19 - 09:48
Doação de sangue: mitos e verdades Seja um doador. Hemocentro de Nova Friburgo necessita de doação para reposição de estoque | Foto: Bando de Imagem

Não há dúvidas de que doar sangue é um ato de solidariedade e amor ao próximo. Mas muitos mitos envolvem quem pode ou não ser doador, muitas vezes pautados em manifestações de juízos de valores e preconceitos, impedindo, por vezes, que as campanhas atinjam um número maior de pessoas, encorajando-as a participar de doações em hemocentros.

Em Nova Friburgo, o estoque de sangue do Hemocentro Regional Cassia Vivian Kale Martins, que atende 14 municípios da região, está necessitando de doadores para repor o estoque de bolsas de sangue. De acordo com o hemocentro, os critérios para doar são ter entre 16 e 69 anos e pesar mais de 50 kg; não ter ingerido alimentos gordurosos nem derivados do leite antes da doação; ter tido uma noite de sono de, pelo menos, 6 horas; e, caso faça uso de alguma medicação, apresentá-la no momento da doação. Menores de idade podem doar desde que estejam acompanhados pelo responsável.

Em nota, o Hemocentro Regional de Nova Friburgo esclarece ao Portal Multiplix alguns pontos duvidosos que rondam o perfil exigido para ser doador de sangue.

Quem doa vai ficar sem sangue suficiente?

O volume máximo de sangue doado por pessoa não ultrapassa 450 ml, que é considerado o limite, além dos 30 ml coletados para realização de sorologias. A medida que essa quantidade de sangue é retirada, devidamente calculada pelo peso do doador, imediatamente já se inicia a reposição dele no corpo humano, reiniciando a produção das hemácias, leucócitos e plaquetas pela medula óssea. Portanto, a doação não afeta em nada a saúde do doador, pelo contrário, renova as células, o que é considerado, inclusive, um processo saudável para o corpo humano.

Quem é diabético pode doar?

Pessoas com doenças como o diabetes, por exemplo, têm uma alimentação específica, o que pode levá-las a uma hipoglicemia durante a doação. A orientação de não doar sangue, neste caso, trata-se de uma proteção para o diabético, pois a doação não pode causar dano a quem doa.

Quem tem tatuagem?

Pessoas com tatuagem só podem doar sangue um ano após o procedimento.

Pessoas tatuadas só podem doar sangue um ano após o procedimentoPessoas tatuadas só podem doar sangue um ano após o procedimento | Foto: Banco de Imagem

Usuários de droga podem doar?

Usuários de drogas não podem doar sangue.

Quem está grávida?

Gestantes também não podem doar.

Quem é lactante?

Mulheres que estão amamentando só podem doar sangue 12 meses após o parto.

Homossexuais podem doar?

Orientação sexual não é um critério para doação de sangue. O que é avaliado, na triagem, antes da doação, é a quantidade de parceiros que a pessoa tem.

Quem recebe transfusão está suscetível a alguma doença?

O risco de transmissão de doenças pela transfusão de sangue é muito menor do que no passado, em especial pelo desenvolvimento de exames laboratoriais com tecnologia de ponta na realização de sorologias no sangue do doador, além da triagem clínica detalhada, que é uma obrigatoriedade exigida pelo Ministério da Saúde.

Para quem puder participar da campanha, o Hemocentro de Nova Friburgo está localizado na Avenida Presidente Costa e Silva, n° 349, no Centro - anexo ao Hospital Municipal Raul Sertã. Seu funcionamento é de segunda a sexta-feira, de 8h às 11h30. Mais informações pelo telefone (22) 2524-2300.