Cantora friburguense Tatila Krau chega à próxima fase do The Voice Brasil

Artista da cidade serrana foi salva por Michel Teló durante a fase de batalhas do reality show

Por Matheus Oliveira
30/08/19 - 15:24
Cantora friburguense Tatila Krau chega à próxima fase do The Voice Brasil Tatila Krau passa a integrar o time Michel Teló após a segunda fase do the Voice | Foto: Divulgação/Globo

Uma nova etapa em outra equipe se tornou realidade com a cantora friburguense Tatila Krau, no The Voice Brasil. No programa que foi ao ar na última quinta-feira, dia 29 de agosto, a artista foi preterida por Lúcia Muniz no Time Lulu Santos, mas acabou sendo escolhida para integrar o time de Michel Teló e seguir na competição.

A dupla se apresentou na fase das batalhas ao som do sucesso Decode, da banda de rock Paramore. Depois da apresentação, que arrancou elogios dos técnicos Iza, Michel Teló e Ivete Sangalo, o cantor Lulu Santos escolheu Lúcia Muniz para seguir em seu time. Entretanto, com as opções Pega e Bloquear disponíveis, o sertanejo bloqueou a rival Iza e garantiu a friburguense em seu time nas próximas fases do programa.

Nas audições às cegas, fase anterior do programa, Tatila Krau se apresentou ao som da música Set Fire to the Rain, de Adele. Em entrevista ao Portal Multiplix, Tatila, de 25 anos, revelou que começou a cantar antes de aprender a falar. Ela aprendeu a tocar violão, piano, canto e ukulele em cursos livres de música. A cantora friburguense se aperfeiçoou no canto, fez licenciatura em música e se tornou dona de uma escola de música na cidade serrana: atua na Belting Music Club há cerca de seis anos. Ela falou sobre a experiência de representar a cidade serrana no reality musical.

“É maravilhoso! Principalmente enquanto empresária da cidade com minha escola de música. Trabalho todos os dias com músicos e talentos incríveis em Nova Friburgo. Nossa cidade é muito rica em arte e profissionais da área muito qualificados. Quero que o Brasil saiba disso e possa enxergar todos nós. Eu fui apenas a primeira a dar este pontapé inicial, mas sei que depois de mim muitos terão esta coragem, a começar pelos meus alunos, que já estão sendo incentivados por mim”, destaca.