Manifestantes saem em passeata pelo Centro de Friburgo contra a reforma da Previdência

Protesto convocado por sindicatos teve início por volta das 17h e segue em direção à prefeitura

Por Redação Multiplix
14/06/19 - 18:31 | Atualizada em 14/06/19 - 18:50

Manifestantes saíram em passeata nesta sexta-feira, 14, pela Avenida Alberto Braune, no Centro de Nova Friburgo, em protesto contra a reforma da Previdência. O ato, organizada por sindicatos, teve início por volta das 17h, na Praça Dermeval Barbosa Moreira.

Além da reforma, os manifestantes também são contra o contingenciamento no orçamento da Educação e criticam as ações do governo Bolsonaro.

“Novamente estamos aqui contra a reforma da Previdência que ataca diretamente os direitos de aposentadoria dos trabalhadores, especialmente os mais pobres, e não atinge em nada vários dos privilégios de setores como militares e políticos”, afirma Pedro Monnerat, professor de história.

Manifestantes durante passeata na Avenida Alberto Braune, no Centro de FriburgoManifestantes durante passeata na Avenida Alberto Braune, no Centro de Friburgo | Foto: Gee Santos

A costureira Luzia explica porque decidiu comparecer ao ato. “Essa proposta que o governo vem fazendo não é uma reforma. Eu entendo que é uma deforma, que só vem tirar direitos dos trabalhadores que dão seu sangue para o país sobreviver”, diz.

A manifestação tem a adesão do Sindicato dos Trabalhadores das Indústrias do Vestuário, Sindicato dos Trabalhadores das Indústrias Metalúrgicas, Sindicato dos Bancários, Sindicato Estadual dos Profissionais da Educação (Sepe), Sindicato dos Professores de Nova Friburgo e Região (Sinpro), além de organizações estudantis.

NOTÍCIAS RELACIONADAS:

Nova Friburgo, Teresópolis e Cachoeiras têm manifestações nesta sexta


Sobre a paralisação nacional

Organizadas por diversos sindicatos, as paralisações desta sexta afetam as capitais de 24 estados do Brasil e o Distrito Federal, além de várias cidades no interior do País. Na área de cobertura do Portal Multiplix, três municípios tiveram atos mais cedo: Nova Friburgo e Teresópolis, na Região Serrana, e Cachoeiras de Macacu, na Região Metropolitana. Nas três cidades, os protestos foram pacíficos.

Manifestantes ocuparam uma das pistas da Avenida Alberto Braune, em FriburgoManifestantes ocuparam uma das pistas da Avenida Alberto Braune, em Friburgo | Foto: Gee Santos