Ligações de telemarketing agora podem ser bloqueadas por consumidores

Interessados devem cadastrar número de telefone em site lançado nesta terça-feira, 16

Por Luisa Machado
16/07/19 - 15:33
Ligações de telemarketing agora podem ser bloqueadas por consumidores Ação só vale para empresas de telecomunicações ligadas à Anatel | Foto: Banco de Imagem

Sabe aquela ligação insistente da operadora de celular que você recebe todos os dias, mas que você não tem coragem de simplesmente desligar? A partir desta terça-feira, 16 de julho, você poderá bloqueá-la por meio de um cadastro em um site na internet.

O Cadastro Nacional de Não Perturbe, para aqueles que desejam bloquear ligações de telemarketing, vai funcionar como uma forma de proteger o consumidor de ações predatórias de vendas das empresas. O site é administrado pelo Sindicato Nacional das Empresas de Telefonia e de Serviços Móvel Celular e Pessoal, o SindTeleBrasil.

Segundo pesquisa realizada pela Agência Nacional de Telecomunicações (Anatel), ao menos um terço das ligações indesejadas recebidas no Brasil são feitas com o objetivo de venda de serviços de telecomunicações. Agora, através da plataforma on-line, o usuário poderá cadastrar o número de telefone para não receber mais chamadas de determinadas empresas de telecomunicação.

A friburguense Carolina Werneck, que já trabalhou como atendente de telemarketing, concorda que não é agradável receber as ligações, mas reprova a falta de educação das pessoas ao negarem o atendimento.

“Nada melhor do que ser direto, negar o serviço com veemência e aguardar que a pessoa desligue. É absurdo o tanto de grosseria que ouvimos do outro lado da linha. Literalmente, de estragar o dia.”

Até o momento, apenas as empresas de telefonia fixa, celular, internet e TV por assinatura, signatárias do acordo com a Anatel, estão inclusas no sistema de cadastro. São elas: Oi, Claro, Vivo, TIM, Sky, Algar e Sercomtel.

Essas companhias também se comprometeram a realizar ligações apenas em dias úteis, entre 9h e 21h, e nos sábados, das 10h às 16h.

A Anatel será responsável pelo monitoramento da execução dos bloqueios e, em caso de descumprimento das normas, as multas podem chegar a R$ 50 milhões, dependendo do nível de gravidade da situação.

Como realizar o cadastro?

O Cadastro Nacional de Não Perturbe pode ser feito através do link http://naomeperturbe.com.br. Ao acessar o site, após informar o número do CPF do titular, todas as linhas ligadas àquele número de CPF estarão registradas para não receberem mais as ligações. Após realizado o bloqueio do número, a operadora terá um prazo de 30 dias para parar de realizar as ligações.