MENU

Portal Multiplix

Governo do Rio recebe demanda dos moradores de Teresópolis que sofreram na tragédia de 2011

Claudio Castro anunciou projetos para o município e visitou localidades atingidas pelas chuvas

Por Isadora Jaron
11/01/21 - 16:22
Governo do Rio recebe demanda dos moradores de Teresópolis que sofreram na tragédia de 2011 Monumento às vítimas da tragédia em Teresópolis é lançado | Foto: Isadora Jaron

Após transferir a sede do governo do estado para a Região Serrana do Rio, marcando os 10 anos da maior tragédia climática do Brasil, o governador em exercício, Claudio Castro, esteve nesta segunda-feira, 11, em Teresópolis, se reunindo com associações de moradores, ouvindo demandas, anunciando projetos e lançando um monumento em homenagem às vítimas.

Durante a visita, o governador, junto com o prefeito Vinicius Claussen e outras lideranças políticas, esteve em diversas localidades que foram atingidas pelas chuvas de janeiro de 2011, como Salaco e Parque Imbuí.

Em Teresópolis, o governador escutou as demandas dos moradores, se reunindo com representantes das associações dos bairros atingidos há 10 anos pelas chuvas, assim como os síndicos do Conjunto Habitacional Fazenda Ermitage, construído para abrigar as vítimas das chuvas que perderam suas residências.

“Pude ter um panorama das principais necessidades. Transferi a sede do governo do estado por três dias para a Região Serrana para ouvir a população e também anunciar o trabalho que as secretarias estaduais estão realizando para garantir a segurança de todos, principalmente durante esse período de chuvas de verão”, explicou Castro.

Entre os projetos previstos para o município, o chefe do Executivo estadual falou sobre a ampliação do conjunto Ermitage, com a complementação da infraestrutura externa, além da construção de uma Estação de Tratamento de Esgoto (ETE).

No bairro da Posse, um símbolo da tragédia, um prédio que foi totalmente atingido pela enxurrada, será demolido e, no lugar da edificação, será construído um reservatório para as águas das chuvas.

Já no início da tarde, o governador e o prefeito de Teresópolis, realizaram o lançamento da pedra fundamental em homenagem às vítimas da tragédia de 2011, no terreno da antiga fábrica da Sudamtex.

“Tem sido muito rica a agenda aqui e o lançamento dessa pedra fundamental, desse monumento, foi de grande sensibilidade do prefeito, porque tragédias como essa não podem ser esquecidas”, destacou o governador em exercício.

O governador em exercício, Claudio Castro, em TeresópolisO governador em exercício, Claudio Castro, em Teresópolis | Foto: Isadora Jaron

Também na ocasião, Claudio Castro falou que esteve em Teresópolis na época da tragédia, no bairro de Vieira, em um hotel que recebeu os desabrigados das chuvas.

O prefeito Vinicius Claussen disse que estão sendo planejados a prevenção das chuvas e diversos projetos que beneficiam Teresópolis.

“Temos um passivo habitacional de 700 residências. São 200 apartamentos que estão vazios e a Caixa Econômica, junto à Seab e o Inea estão articulando para que isso seja entregue a essas famílias. Fica ainda a proposta para o governador, de que a Fazenda Ermitage II seja uma realidade em Teresópolis, entregando mais 500 unidades habitacionais onde o governador colocou a sua equipe, com o secretário da Seinfra, e agora depende de uma articulação com o governo federal para que o recurso seja providenciado”, acrescentou.

Obras de contenção

Vão ser cerca de R$ 135 milhões destinados a Região Serrana para obras de contenção de encostas. O anuncio de Claudio Castro destaca 10 intervenções. Em Teresópolis, além do bairro Salaco, há obras previstas em Jardim Féo e Caleme, além da duplicação da ponte do Imbuí, melhorando o acesso aos bairros da Posse e Caleme. A obra também vai evitar represar o escoamento das águas no rio Imbuí. A previsão é de que sejam investidos mais de R$ 2,1 milhões nas melhorias.

Limpa Rio

Rios e córrego serão desassoreados no municípioRios e córrego serão desassoreados no município | Foto: Isadora Jaron

Ainda na visita em Teresópolis, houve o lançamento do Limpa Rio, com as ações de limpeza e desassoreamento do Rio Paquequer, onde vão ser retirados 49 mil metros cúbicos de sedimentos desse corpo hídrico para destinação ambiental adequada, além do rio Príncipe e Córrego Imbuí, onde vão ser retirados 18 mil metros cúbicos e 17 mil metros cúbicos, respectivamente.

Entre outras ações anunciada, estão a demolição da ponte existente e construção de uma nova sobre o rio Imbuí e a implementação de estrutura de drenagem que receberá a água da chuva proveniente de temporais. Também serão realizados serviços de urbanização e paisagismo. Os investimentos totalizam R$ 18 milhões.

Encerrando a agenda na Serra fluminense, nesta terça-feira, 12, a comitiva vai estar em Petrópolis.

Veja outras notícias da Região Serrana do Rio no Portal Multiplix.


É proibida a reprodução total ou parcial dos conteúdos do Portal Multiplix, por qualquer meio, salvo prévia autorização por escrito.
TV Multiplix
TV Multiplix Comunicado de manutenção TV Multiplix Comunicado de manutenção
A TV Multiplix conta com conteúdos exclusivos sobre o interior do estado do Rio de Janeiro. São filmes, séries, reportagens, programas e muito mais, para assistir quando e onde quiser.