MENU

Portal Multiplix

Delegacia de Nova Friburgo alerta para golpes na internet

Crimes na rede têm se tornado comuns, especialmente em sites de venda de veículos. Saiba como evitá-los

Por Redação Multiplix
31/07/19 - 14:52
Delegacia de Nova Friburgo alerta para golpes na internet 151ª Delegacia de Polícia alerta para golpes na internet | Foto: Arquivo/Amanda Tinoco

Com o advento da tecnologia, a facilidade para interações sociais aumentou consideravelmente. Ao mesmo tempo, os riscos também cresceram. Assim, golpes prometendo facilidades e até a liberação imediata do FGTS, após medida anunciada pelo governo, começaram a surgir nas redes. Para realizar uma compra segura e não cair em golpes é necessário escolher com cuidado sites ou locais em que se pretende comprar um bem ou produto.

Esta semana, a 151ª Delegacia de Polícia (DP), de Nova Friburgo, através de seu delegado titular, Henrique Pessoa, publicou um informe alertando as pessoas que desejam fazer compras na internet sobre um golpe aplicado por indivíduos que se intitulam “intermediários” das negociações.

“Cidadãos que desejam vender ou comprar produtos, especialmente veículos automotores e motocicletas, em sites de vendas da internet em que existam intermediadores dessas compras/vendas, devem muito cuidado e atenção, pois estelionatários estão dando golpes em diversas pessoas no momento dessas transações comerciais”, diz trecho do informe.

O comunicado da 151ªDP prossegue alertando sobre como identificar a situação: “esses suspeitos se passam por intermediadores do negócio, oferecendo descontos aos compradores, e muitas vezes uma vantagem ao vendedor, repassam contas bancárias de terceiros para que o depósito seja feito, e o comprador achando que o dinheiro seria repassado ao proprietário do bem, realiza o depósito, e esse dinheiro cai na conta do golpista”.

A publicação também alerta para que os cidadãos fiquem atentos e verifiquem a cidade em que se localiza a agência bancária da conta fornecida para depósito, pois em diversas ocasiões as contas pertencem a agências de outros estados do país. De acordo com o delegado Henrique Pessoa, é preciso desconfiar sempre quando os intermediadores oferecem produtos à venda no site por valores muito abaixo do valor de mercado.

Como moradores de Nova Friburgo protegem-se na hora de comprar

A pedagoga Elane D’ângelo costuma comprar pela internet e diz que, no caso dela, o medo e o risco sempre vão estar presentes. Ela destaca que prefere recorrer a sites de grandes marcas de varejo e sempre procura dicas de amigos ou de pessoas que já realizaram compras online para se precaver.

"A rede é uma coisa muito útil, mas perigosa. Eu costumo comprar sempre em sites conhecidos de grandes lojas de varejo. Alguns sites de venda, como o Mercado Livre, tenho um certo receio, pois não podemos confiar em todo mundo e o site é muito amplo. Quando faço compras em sites como esses, busco os comentários e avaliações de quem já utilizou o serviço. Devemos sempre agir com cautela."

O jornalista Daniel Alves, que há pelo menos quatro anos compra produtos pela internet, ressalta que sempre teve um certo receio em fazer esse tipo de compra.

“Sempre fui desconfiado em realizar este tipo de operação. Quando vou fazer compras online e uso meu cartão de crédito, por exemplo, depois que realizo a compra, informo à operadora. Qualquer transação que eu faça no cartão, o banco me informa via SMS e caso chegue alguma mensagem comunicando alguma transação e eu não tenha usado, já sei que houve uso indevido. Sei que a internet é um campo amplo e precisamos nos cercar de alguns cuidados para evitar transtornos”, destaca.

Outras dicas para compras seguras na internet

A ONG SafetNet, especializada em defender e promover o bom uso da internet no Brasil, disponibiliza em seu site uma lista de dicas de segurança para realizar compras online. Confira algumas abaixo:

  • Conheça com quem está negociando. Faça uma busca nas redes e nos sites de compras de comentários sobre o produto e sobre a empresa ou vendedor;

  • Pesquise o preço nas diferentes lojas nos buscadores e nos sites;

  • Evite entrar nas lojas através de propagandas por e-mail ou links indiretos. Ficou animado com a promoção, digite o nome da loja no navegador e procure o produto para conferir se realmente existe aquela oferta;

  • Evite comprar de computadores ou dispositivos compartilhados com estranhos (ex: lan house, computador coletivo da empresa ou escola);

  • Ao entrar no site da loja, confira se a página é criptografada – identificada pela presença do ‘S’ no ‘HTTP’, o https://;

  • Para aumentar sua segurança no pagamento, use mecanismos de pagamento digital como BitCoin, Pay Pal ou PagSeguro, cadastrando seu cartão de crédito;

  • Se não quer expor seus dados de cartão de crédito, opte pelos boletos que podem ser uma boa forma de pagamento;

  • Fique atento ao preço do frete e aos juros nas opções de parcelamento;

  • Como em qualquer outra transação fora da Internet, os direitos dos consumidores valem plenamente na rede sempre que se tratar de empresa com escritório no Brasil;

  • Para comprar em sites internacionais, confira antes a reputação deles e a experiência de outros brasileiros nas compras. Como notícia ruim se espalha bem rápido, certamente vai encontrar algum comentário. Fique atento às regras da alfândega que podem confiscar ou taxar produtos importados sem a devida fiscalização.


É proibida a reprodução total ou parcial dos conteúdos do Portal Multiplix, por qualquer meio, salvo prévia autorização por escrito.
TV Multiplix
TV Multiplix Comunicado de manutenção TV Multiplix Comunicado de manutenção
A TV Multiplix conta com conteúdos exclusivos sobre o interior do estado do Rio de Janeiro. São filmes, séries, reportagens, programas e muito mais, para assistir quando e onde quiser.