MENU

Portal Multiplix

Os friburguenses Marlon Moraes e Edson Barboza estrelam evento do UFC neste sábado

Esposa de Marlon Moraes revela expectativa para card em que lutadores friburguenses farão as lutas principais

Por Matheus Oliveira
09/10/20 - 11:44
Os friburguenses Marlon Moraes e Edson Barboza estrelam evento do UFC neste sábado Moraes e Edson Barboza são amigos e vão viver um momento especial no UFC deste sábado | Foto: Reprodução/Redes sociais

Uma ocasião especial e inédita para toda a cidade de Nova Friburgo, na Região Serrana do Rio. Celeiro de talentos, pela primeira vez, dois atletas do município irão estrelar um mesmo card do UFC, principal evento de MMA do mundo. Os caminhos se cruzaram na infância e uniram as famílias que sempre torcem juntas pelos dois atletas. Desta vez, não será diferente como conta a esposa de Marlon Moraes, Izabella Santiago, em entrevista ao Portal Multiplix.

Ela revela que os lutadores treinam juntos desde a infância e que ela e a esposa de Edson, Bruna Barboza, além dos filhos, irão assistir ao evento.

“Meu coração já está acelerado para sábado! Vamos torcer muito pelos dois! Na época que lutavam Muay Thai, eles já estiveram, algumas vezes, na mesma noite, mas no UFC será a primeira vez. Estamos ansiosas e confiantes”, afirma.

Ela revelou ainda como foi a preparação de Marlon para o decisivo duelo.

“Marlon é muito disciplinado, ele sempre dá o máximo na preparação para a luta. Ele está confiante em fazer um bom trabalho e sair com a vitória. Gostaria de agradecer a toda torcida das nossas famílias e dos amigos de Nova Friburgo”, destaca.

Os atletas da cidade, Marlon Moraes e Edson Barboza, irão protagonizar as duas lutas principais do UFC Moraes x Sandhagen, que ocorre neste sábado, dia 10 de outubro, a partir das 18h (de Brasília), na Ilha da Luta, em Abu Dhabi, Emirados Árabes.

Amigos desde os tempos em que treinavam na serra fluminense com o mestre Anderson França, eles tomaram rumos diferentes e se encontraram no UFC.

Marlon Moraes mira cinturão dos galos do UFCMarlon Moraes mira cinturão dos galos do UFC | Foto: Divulgação/UFC

Marlon quer vencer para voltar a disputar o cinturão do UFC

Marlon Moraes, que enfrenta o americano Cory Sandhagen, na luta principal do evento, iniciou sua jornada no MMA em 2007, foi campeão do WSOF e assinou com o Ultimate em 2017.

Desde então, foram cinco vitórias e duas derrotas na organização. Marlon enfrentou e venceu nomes como Raphael Assunção, Jimmie Rivera e John Dodson nos pesos galos. Em sua última luta, ele derrotou o ex-campeão dos penas do UFC, José Aldo.

Quando teve a chance de disputar o cinturão, “The Magic” acabou derrotado pelo estadunidense Henry Cejudo.

Tais números deram a Marlon o posto de desafiante número um do atual campeão dos galos, russo Petr Yan.

Antes disso, ele viu José Aldo furar a fila e enfrentar o russo na disputa do cinturão. Tudo isso ocorreu após Henry Cejudo decidir se aposentar e deixar o título vago.

Agora, o atleta friburguense pretende vencer o combate para novamente se credenciar para a disputa do título.

“Essa é uma das melhores lutas que podem ser casadas nesta categoria. Eu sou o número 1 e ele, é o quarto do ranking dos galos. Os dois têm condições de ganhar o título. Nós temos chances de buscar este cinturão e estamos preparados. Sábado vai ser uma guerra. É uma honra poder fazer a luta principal deste evento”, destaca Marlon em entrevista ao site do UFC.

Em seu cartel, o lutador possui 23 vitórias, seis derrotas e um empate.

O rival de Marlon possui um cartel de 12 vitórias e duas derrotas, ocupando a quarta posição do ranking dos galos. Ele vem de derrota para o jamaicano Aljamain Sterling.

Edson Barboza quer retomar rotina de vitórias no UFCEdson Barboza quer retomar rotina de vitórias no UFC | Foto: Divulgação/UFC

Primeiro friburguense do UFC, Edson projeta retomar caminho das vitórias

Antes de Marlon, quem colocou o nome de Nova Friburgo no Ultimate foi Edson Barboza. Aos 34 anos, ele iniciou sua trajetória no MMA em 2009 e, no ano seguinte, já estreava no UFC.

O atleta friburguense fez sucesso no peso leve e esteve próximo do cinturão, mas uma série de derrotas o fez cair no ranking e até mudar de divisão.

Em sua estreia no peso-pena, Juninho acabou derrotado em decisão dividida e polêmica dos juízes pelo americano Dan Ige.

Agora, ele busca retomar o protagonismo no UFC diante do iraquiano naturalizado finlandês Makwan Amirkhani. O lutador possui 16 vitórias e quatro derrotas na carreira. Ele vem de triunfo sobre o escocês Danny Henry por finalização.

Edson iria enfrentar o nigeriano Sodiq Yusuff que desistiu do evento e teve de ser substituído.

“Eu ia lutar contra um adversário que gosta da trocação e agora vou enfrentar um grappler, que procura mais um combate agarrado. Mas tive tempo para me adaptar e focar no Makwan. “Tenho um plano para esta luta e quero voltar a vencer”, declara.

Veja outras notícias da Região Serrana do Rio no Portal Multiplix.


É proibida a reprodução total ou parcial dos conteúdos do Portal Multiplix, por qualquer meio, salvo prévia autorização por escrito.
TV Multiplix
TV Multiplix Comunicado de manutenção TV Multiplix Comunicado de manutenção
A TV Multiplix conta com conteúdos exclusivos sobre o interior do estado do Rio de Janeiro. São filmes, séries, reportagens, programas e muito mais, para assistir quando e onde quiser.