MENU

Portal Multiplix

Fale Conosco

(22) 3512-2020

Anuncie

Contato comercial

Trabalhe conosco

Vagas disponíveis

Friburguense Jhennifer Alves permanece com chances de ir às Olimpíadas

Nadadora aguarda definição de tempos para saber se disputará os Jogos Olímpicos de Tóquio pelo revezamento 4x100m medley

Por Matheus Oliveira
27/04/21 - 16:47
Friburguense Jhennifer Alves permanece com chances de ir às Olimpíadas Jhennifer Alves ainda sonha com vaga nas Olimpíadas de Tóquio | Foto: Reprodução/TV CBDA

O sonho de ir à Tóquio ainda existe para a nadadora friburguense Jhennifer Alves. Isso porque, após não conseguir o índice na prova individual dos 100m peito, a atleta do Pinheiros-SP aguarda a definição dos tempos do revezamento 4x100m medley para saber se poderá representar o Brasil pela segunda vez em uma edição dos Jogos Olímpicos.

No último sábado, a friburguense participou da prova dos 4x100m medley no Troféu Brasil de Natação, disputado no Parque Aquático Maria Lenk, no Rio de Janeiro.

Ao lado de Etiene Medeiros, Giovanna Diamante, e Larissa Oliveira, ela integrou a equipe que marcou o tempo de 04:04.33.

Desta forma, ela precisa aguardar a definição da Federação Internacional de Natação (Fina), para saber se irá às Olimpíadas, que serão disputadas entre 23 de julho e 8 de agosto.

As marcas podem ser obtidas até o dia 31 de maio e os quatro melhores tempos no mundo, serão oficializados em junho, e garantirão uma vaga na principal competição esportiva do planeta junto com os 12 países que se classificaram no Mundial de 2019.

“Ainda tentando absorver tudo que aconteceu nesta última semana, foi um mix de emoções. Saio da minha 2ª seletiva olímpica com minha melhor marca pessoal. Recorde brasileiro e com a barreira do 1.06 quebrada (Ufa! finalmente saiu o que já estava aqui dentro há muito tempo). Só tenho a agradecer a Deus e a todos os envolvidos nesses resultados. Agora é descansar alguns dias e voltar para os treinos com mais garra, foco e determinação. Com certeza estarei também ansiosa aguardando o resultado da repescagem dos revezamentos... O sonho ainda está vivíssimo”, postou a atleta em uma das suas redes sociais.

A atleta abaixou o tempo de 1:06 e bateu novamente o recorde brasileiro dos 100m peito.

Na semana passada, nas eliminatórias da prova individual, Jhennifer já havia batido o recorde nacional com o tempo de 01:07:35.

Entretanto, na final, a friburguense não conseguiu repetir o feito, quando fez um tempo de 01:08:08. Assim, ela ficou a um segundo do índice olímpico.

Para chegar aos Jogos Olímpicos, ela precisava obter a marca de 01:07:07.

A nadadora, que iniciou a carreira em uma escola de natação de Nova Friburgo, já participou dos Jogos Olímpicos do Rio em 2016 ao integrar o revezamento 4x100 medley.

Veja outras notícias da Região Serrana do Rio no Portal Multiplix.


É proibida a reprodução total ou parcial dos conteúdos do Portal Multiplix, por qualquer meio, salvo prévia autorização por escrito.
TV Multiplix
TV Multiplix Comunicado de manutenção TV Multiplix Comunicado de manutenção
A TV Multiplix conta com conteúdos exclusivos sobre o interior do estado do Rio de Janeiro. São filmes, séries, reportagens, programas e muito mais, para assistir quando e onde quiser.