Nova Friburgo: Justiça condena jovens que mataram a namorada de um deles em 2015

Confira o tempo de condenação de cada um deles e veja mais detalhes sobre o caso

Por Redação Multiplix
10/10/19 - 10:15
Nova Friburgo: Justiça condena jovens que mataram a namorada de um deles em 2015 Agentes da PM encontraram corpo da vítima em setembro de 2015 | Foto: Reprodução/Portal Multiplix

A Justiça de Nova Friburgo condenou, através de Tribunal do Júri, os acusados de assassinar a jovem Fabiana Gevezier, em abril de 2015. Matheus Santos Hartmann Pinto, vulgo “MT”, ex-namorado da vítima, foi condenado a 26 anos de prisão pelos crimes de homicídio triplamente qualificado e de ocultação de cadáver, enquanto Filipe de Almeida Quimas foi condenado apenas pela participação na ocultação do corpo. O terceiro réu Cristian da Silva Navega, vulgo “CR”, ainda vai ser julgado.

Na sentença, o juiz entendeu que a motivação do crime foi torpe, uma vez que o réu acreditou que a vítima era informante da polícia, além de se relacionar amorosamente com um traficante de facção rival, restando claro que a intenção do réu era a manutenção do domínio territorial do tráfico de drogas na localidade do Loteamento do Tio Dongo II.

Na época, a jovem estava desaparecida e seu corpo foi encontrado dias depois com marcas de agressões e de muitos tiros, evidenciado a intenção da execução.

O crime

O crime ocorreu no dia 18 de setembro de 2015 e, na época, a Polícia Civil chegou a informar que a motivação do crime foi o fato de os autores terem desconfiado que a vítima teria roubado drogas de sua facção e que estaria envolvida com um integrante de uma organização criminosa rival a do namorado.

Os jovens foram presos no dia 22 do mesmo mês através de policiais do serviço de inteligência da PM (P2) no Loteamento Tio Dongo. O corpo da jovem foi removido do local do crime.