MENU

Portal Multiplix

Campeões da Copa de 94 são homenageados pela CBF em Teresópolis

Celebração pelos 25 anos do tetracampeonato mundial da seleção contou com duelo entre ex-jogadores

Por Redação Multiplix
16/07/19 - 14:41
Campeões da Copa de 94 são homenageados pela CBF em Teresópolis Ex-jogadores da seleção de 1994 no gramado do Centro de Treinamento da CBF, na Granja Comary, em Teresópolis | Foto: Lucas Figueiredo/CBF

“É tetra, é tetra!” A frase marcante de Galvão Bueno após a disputa de pênaltis na final da Copa de 1994 entre Brasil e Itália ainda deixa toda uma geração nostálgica. E para celebrar tamanha emoção, nada melhor que os ares do Centro de Treinamento da Granja Comary, em Teresópolis. Por isso, a Confederação Brasileira de Futebol (CBF) reuniu no local, na sexta e no sábado, 12 e 13 de julho, os integrantes da conquista para comemorar 25 anos do quarto título mundial da seleção brasileira.

Na sexta, os craques chegaram aos poucos ao longo do dia e se depararam com um mural de fotos relembrando a histórica conquista. Sábado foi dia de matar a saudade da bola e relembrar os velhos tempos. No campo 1 da Granja, os campeões de 1994 receberam uniformes novos da seleção, personalizados com seus nomes e os números usados durante o mundial.

Divididos entre azul e amarelo, os times terminaram a partida em um empate por 7 a 7. Após o jogo, os ex-jogadores atenderam os torcedores que marcaram presença na Granja.

“Quero agradecer à CBF e a todos que fazem parte desta festa. No mundo, tem mais de sete bilhões de habitantes e campeões mundiais vivos talvez não sejam 400. Acho que o Brasil tem 69, se não me engano. É um orgulho para todos nós. Nossa geração está bem e é a hora de agradecer a todos por tudo isso” declarou o ex-zagueiro Ricardo Rocha.

Depois, os campeões subiram até o restaurante da Granja para um churrasco preparado pelo Chef Jaime. Os homenageados receberam camisas comemorativas pelos 25 anos do tetra e ganharam, das mãos do presidente da CBF, Rogério Caboclo, medalhas pela conquista. Caboclo ainda discursou para os campeões e agradeceu a todos por tudo que fizeram pela seleção.

"É um grande privilégio ter vocês aqui. Essa é a casa de vocês. E vocês fazem deste cenário um lugar belíssimo por causa deste astral, desta alma que dedicaram ao Brasil. A CBF é grata, o Brasil é grato e o mundo é grato ao que vocês apresentaram e proporcionaram de beleza do esporte, de ganhar da forma que ganharam, com credencial, capacidade e competência. Meu obrigado por ter vocês aqui", disse o presidente Rogério Caboclo em seu discurso.

Copa de 94

A seleção brasileira conquistou o título mundial, nos Estados Unidos, após sair desacreditada do Brasil e se classificar apenas no último jogo das Eliminatórias. O time verde e amarelo contava com craques como Romário, Bebeto, Mazinho, Raí, Aldair, Leonardo, Branco, Zinho e Jorginho, todos capitaneados pelo volante Dunga.

A seleção venceu a Rússia (2x0) e Camarões (3x0), e empatou com a Suécia (1 x 1) na fase de grupos. Nas oitavas de final, em um 4 de julho, dia da Independência americana, o Brasil venceu o time anfitrião por 1 a 0, com gol de Bebeto. Já nas quartas de final, triunfo por 3 x 2 sobre a Holanda, com a inesquecível cobrança de falta do lateral Branco que decidiu o confronto.

Nas semifinais, Romário garantiu o 1 x 0 sobre a Suécia. Na final, Brasil e Itália fizeram um jogo nervoso e empataram em 0 x 0 depois de 120 minutos, somando tempo normal e prorrogação. Nos pênaltis, o Brasil venceu por 3 a 2, depois do ídolo italiano Roberto Baggio perder a cobrança.