MENU

Portal Multiplix

Livro conta a história de Cachoeiras de Macacu através da mandioca

Obra será lançada em formato de e-book e distribuída para escolas

Por Luisa Machado
07/10/19 - 09:44
Livro conta a história de Cachoeiras de Macacu através da mandioca Livro conta a história de Cachoeiras de Macacu através da produção de mandioca | Foto: Reprodução/Portal Multiplix

O município de Cachoeiras de Macacu, na Região Metropolitana do Rio, a partir do dia 4 de outubro, ganha uma nova fonte de pesquisa sobre a história da cidade. O livro Alimento da Terra conta a história do município através da mandioca, um tubérculo produzido na região desde antes do descobrimento do Brasil.

A coordenadora do programa de mestrado, e também uma das autoras do livro, Márcia Amantino, comenta que a ideia inicial era a produção de uma obra que contasse a história de Cachoeiras de Macacu e, após muita pesquisa, os autores decidiram usar o legume para traçar o caminho do livro.

O livro trata sobre a mandioca e como o cultivo desse tubérculo perdurou no tempo e foi importante para a história local, tendo relevância econômica e social para grande parte dos moradores.

“A ideia inicial era fazer um livro contando a história de Cachoeiras de Macacu, e aí começamos a pensar no enfoque que daríamos ao livro. Depois de muito estudo e análise, percebemos que a mandioca está presente na história da cidade desde a época dos índios, antes da chegada dos portugueses ao Brasil, e está presente até os dias atuais. A partir daí, decidimos contar a história da cidade”, explica a autora.

A obra é de autoria das professoras Cláudia Mesquita, Márcia Amantino, Vitória Ferreira e Vivian Zampa, do Programa de Pós-Graduação em História da Universidade Salgado de Oliveira (Universo), e do aluno doutorando da faculdade, Vinícius Maia. Cada capítulo foi escrito por um profissional e, ao final, os autores se reuniram, apresentaram sugestões e alinharam as modificações no livro. Para Márcia, o sentimento ao ver a obra pronta é o melhor possível.

“Estamos ansiosos para apresentar o resultado do nosso trabalho para a comunidade. É um livro que não tem a cara acadêmica, ele pode ser usado, questionado, criticado e as pessoas podem sugerir modificações. Toda a comunidade vai poder ter acesso ao conteúdo, uma vez que o livro estará disponível para download no site Memória de Cachoeiras.Decidimos que o livro seria em formato de e-book, para baratear os custos e para que não fiquemos presos a nenhuma editora, podendo distribuir os livros gratuitamente nas escolas, para que os professores e alunos possam usar livremente”, diz.

O download da obra pode ser feito através do site https://memoriadecachoeira.wixsite.com/, alimentado pela Universo e pela Fundação Macatur de Cultura e Turismo.