Juiz de Nova Friburgo condena 33 integrantes do Comando Vermelho

Decisão foi anunciada na terça-feira, 14, e aconteceu em decorrência da Operação Mercúrio

Por Matheus Oliveira
15/05/19 - 09:49
Juiz de Nova Friburgo condena 33 integrantes do Comando Vermelho Condenação de traficantes se deu após operação policial contra o tráfico de drogas | Foto: Reprodução/Portal Multiplix

A cidade de Nova Friburgo teve mais traficantes condenados pela Justiça. Em decisão anunciada na terça-feira, dia 14 de maio, o juiz titular da 2ª Vara Criminal de Nova Friburgo, Marcelo Alberto Chaves Villas, condenou 33 integrantes da facção criminosa Comando Vermelha por tráfico de drogas e associação ao tráfico.

A ação penal, na qual foram condenados tantos réus, foi decorrente de uma grande operação policial contra o tráfico de drogas, desencadeada em 2016 e denominada Operação Mercúrio, que apurou o aumento exponencial do tráfico fortemente armado na Região Serrana.

Segundo informações do Tribunal de Justiça do Rio de Janeiro (TJ-RJ), um dos traficantes, denominado “Jogador” está foragido. De acordo com a Justiça, ele controla o tráfico nas comunidades Cantagalo e Pavão/Pavãozinho, nos bairros de Ipanema e Copacabana, na capital fluminense, e da Favela do Dique, na Baixada Fluminense, e seria o elo com o interior do estado.

Na sentença, o magistrado destaca que “houve um avanço exponencial do Comando Vermelho no interior no estado do Rio de Janeiro, sendo a cidade de Nova Friburgo, um dos principais pontos estratégicos para o controle da região, mormente com a reprodução das mesmas ações e empreitadas que praticam no Rio”.

Na decisão, o magistrado pontua que a organização do tráfico de drogas se adaptou a uma nova realidade. Afirma que “agora, não há uma liderança principal na facção dentro do estado, estão organizados como um colegiado, onde cada um dos líderes comanda uma área, qualquer ação fora desses limites precisa ser referendada pelo comando da organização, todavia "os votos" têm valor escalonado”.

O juiz Marcelo Alberto Chaves Villas ainda declara em sua decisão que tal condenação é uma resposta à sociedade em meio ao movimento crescente da violência “perpetrada pela organização criminosa Comando Vermelho que, se não bastasse aterrorizar a Capital, vem destruindo a paz das cidades do interior”.

Condenação recente

Vale lembrar que no último dia 29 de abril, o juiz Marcelo Alberto Chaves Villas condenou uma dupla de traficantes que atuava no bairro Alto de Olaria. Douglas Montel Machado foi sentenciado a 15 anos e dois meses e Igor Antônio Ribeiro de Oliveira pegou 11 anos de prisão pelos crimes de tráfico de drogas e resistência à ação policial.

Na denúncia do Ministério Público, os dois trocaram tiros com policiais militares na Rua Xingu, em janeiro do ano passado, e carregavam centenas de sacolés de cocaína. As embalagens continham imagens de super-heróis como Capitão América, e personagens de desenhos animados como Bob Esponja e Popeye. No tiroteio, um terceiro traficante, identificado como Wallace David da Costa Pimentel, foi morto.