Que tal se esquentar do frio com exclusividade?

Artesãos da Região Serrana produzem peças de inverno diferenciadas

Por Sara Schuabb
10/05/19 - 16:49
Artesãos da Região Serrana produzem peças de inverno diferenciadas Peças de vestuário coloridas e exclusivas podem ser encontradas na feira da Praça Getúlio Vargas, em Nova Friburgo | Foto: Reprodução Portal Multiplix

O frio está chegando e já é hora de começarmos a desengavetar os agasalhos. E, para quem está à procura de peças novas para montar um visual quentinho e estiloso nesta mudança de estação, artesãos de Nova Friburgo e Teresópolis, da Região Serrana do Rio, oferecem cachecóis, golas, ponchos, gorros, cardigans, mantas, meias, casacos e coletes exclusivos.

A artesão Cláudia Poppe, que há quatro anos expõe seu trabalho na feira da Praça Getúlio Vargas, em Nova Friburgo, produz peças diferenciadas em tricô e crochê, feitas à mão e em tear, voltadas tanto para adultos quanto para crianças.

“Meus trabalhos são exclusivos. Faço vários tipos de casacos, coletes, ponchos e gorros de vários modelos. Dependendo do poncho ou do casaco mais trabalhado, gasto em torno de um dia e meio a dois para finalizar. Se eu ficar quietinha, sentada em minha cadeira, por exemplo, faço cerca de três a quatro golas volumosas ao dia”, diz.

Cláudia diz que a tendência desse inverno são as cores vivas, como laranja e rosa neon, mas as neutras, como preto, cinza, vinho, caramelo, são sempre coringa.

As peças da artesã Angélica Caldas são todas feitas à mãoAs peças da artesã Angélica Caldas são todas feitas à mão | Foto: Divulgação/Angélica Caldas

Angélica Caldas, artesã de Teresópolis há mais de 30 anos, que expõe suas peças na Feira Espaço Mulher, diz que nesta época do ano produz muitos cachecóis, gorros, golas, mantas e casaquinhos de lã para bebês, de crochê e tricô, com a utilização de fios importados. “Neste inverno, as cores predominantes das minhas peças variam entre verde, mostarda, marsala e o clássico preto”, diz.