O delírio com coisas reais

Por Rachel Rabello
08/04/19 - 09:33

A frase do Belchior martelando na cabeça, largou o copo de cerveja. Abstrair-se da realidade já não lhe atraía, que a vida por si só é rica demais. Era o que lhe dizia a sua avó.

Aquela noite ouviu e viu tanta coisa que chegou a sentir que a cabeça não daria conta.

Marcelo tinha uma namorada nova, depois de anos. E lhe dizia que não queria rótulos - mas se é só um rótulo, qual é o problema? As palavras têm peso, à caneta pesam mais ainda.

Ricardo contou à Mariana sobre os tempos de Niterói e ela lhe disse que não existem mais.

No karaokê, um garçom cantava em inglês, como nos programas de televisão, com aquele vibrato e longas notas.

Um trio de embriagados embriagavam-se com vinho de galão.

No fim, não aguentou. Encheram-lhe o copo virado para baixo.

A vida é rica demais, vó. Escorre, transborda, inunda a mesa.


O Portal Multiplix não endossa, aprova ou reprova as opiniões e posições expressadas nas colunas. Os textos publicados são de exclusiva responsabilidade de seus autores independentes.